Pedido

BOAS LEITURAS!!!

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

"Resistir Ao Amor" de Jill Mansell

Nº de páginas: 335
Preço (Bertrand): 18,85€
Editora: Chá das Cinco
Ano de lançamento: 2010

“Enquanto adolescente, Maddy Harvey era um patinho feio com óculos grandes, cabelo despenteado e dentes tortos. Felizmente cresceu e tornou-se num deslumbrante cisne. Quando numa noite de verão conhece o irresistível Kerr McKinnon, pensa que está no Céu. Mas uns dias depois, quando descobre a que família ele pertence, tem a certeza que está no Inferno. É que toda a gente em Ashcombe sabe o que aconteceu há onze anos, e a mãe de Maddy prefere destruir todos os McKinnon com as próprias mãos a permitir que a filha namore com um deles. Maddy sabe que deve resistir ao amor, mas que culpa tem ela que o seu príncipe encantado seja um fantasma do passado?”

O meu comentário:

Uma história muito interessante que apesar de se focar em temas muito comuns como Romeu e Julieta (quero dizer: duas pessoas que se amam mas não podem estar juntas pois iria contra tudo o que a sua família acredita) não perde a graça e tem a particularidade de ter presente algum humor.
Algumas pessoas, pelo que andei aí a investigar na internet, não se sentem muito à vontade com a presença de muitas personagens sendo a história composta pelos seus amores e dissabores.
Na minha opinião isso ainda tornou a história mais interessante pois podemos vê-la de determinados pontos de vista e não estamos unicamente a acompanhar a um romance… e, já agora, as várias histórias de casais na obra não são semelhantes.
Adorei o trabalho da escritora no final! Alguns casais depois de tudo o que se passou na história deixam-nos surpresos pois não estávamos nada à espera que se juntassem.
Outra coisa que adorei no final foi ter ficado em aberto fazendo com que nos questionemos o que terá acontecido a algumas personagens.
Não deixem de o ler pois divertir-se um pouco e vão passar por momentos de mais tristeza que dão a volta por cima.

“A história de Romeu e Julieta renasce com o charme e o delicioso sentido de humor que só Jill Mansell possui”

Aqui poderás consultar um excerto da obra

Sem comentários:

Publicar um comentário