Pedido

BOAS LEITURAS!!!

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

"Mentiras Cruéis" de Nora Roberts

Nº de páginas: 427
Preço (Bertrand): 18,88€
Editora: Chá das Cinco
Ano de lançamento: 2010

“Eve Benedict é a última das grandes deusas do cinema, uma sex symbol de voz sensual premiada com dois Óscares, quatro maridos e uma legião de amantes. Não há segredo ou escândalo que desconheça. Agora, Eve decidiu escrever as suas memórias – revelando tudo e expondo todos. Julia Summers é a biógrafa que Eve escolheu pessoalmente para relatar a sua história. Julia detesta o glamour de Beverly Hills, mas adora o seu trabalho – e o lar que construiu com o seu filho de dez anos que cria sozinha. Como poderia recusar esta oportunidade única? Mas o enteado de Eve, Paul Winthrop, desafiará a determinação de Eve em contar a sua história e a de Julia em preservar o seu coração. E à medida que Julia se apercebe até onde os inimigos de Eve estão dispostos a ir para que as sua memórias não sejam publicadas, também descobre que a deusa do cinema esconde um segredo terrível. Tão terrível que, mais do que mudar a vida de Julia, também lhe pode colocar um ponto final”

O meu comentário:

Um livro fascinante que me prendeu da primeira à última página…
A mais recente obra da autora publicada em Portugal inicialmente não me parecera tão interessante, levando-me a pensar que se trataria maioritariamente das vivências de Eve e dos seus segredos, não tendo presente uma escaldante e apaixonante história de amor, o que me levou a adorar os livros desta autora.
Felizmente, isto acabou por não acontecer e valeu mesmo a pena o meu investimento. O livro revelou-se muito interessante e só me apetecia descobrir mais e mais do fantástico mundo do cinema.
Eve, uma mulher já na casa dos sessenta anos, mais propriamente sessenta e sete, trata-se de uma das mais famosas e poderosas estrelas na história do cinema.
Como é muito normal na vida das celebridades existem muitos assuntos que têm de omitir arriscando-se a influenciar a sua carreira ou outras pessoas mais próximas. A diva apresentada no livro não é excepção… Durante maior parte da sua existência guardou muitos acontecimentos conhecidos por pouquíssimas pessoas que se viu “obrigada” a esconder dos chamados Media, mas agora resolveu desvendar ao mundo todos os segredos da mulher nascida como Betty Berenski pelo meio de uma biografia, deixando a tarefa de a redigir a partir das suas vivências a Julia Summers.
É assim que a jovem mãe solteira de vinte e oito anos entra no enredo… Julia aceita a oferta de Benedict e parte para Los Angeles (Beverly Hills) com a coisa mais importante da sua vida, o seu filho de dez anos, Brandon, pronta a colocar a sua vida em perigo com o intuito de realizar o desejo da sua patroa, que talvez se trate de algo mais do que pensa…
De facto, é mesmo fascinante descobrir como uma mulher conseguiu guardar tanta coisa para si durante tanto tempo não sucumbindo ao desejo do desvendar à imprensa. Contudo, um dos maiores segredos que esconde relaciona-se com a verdadeira identidade da sua subordinada. Também adorei o romance entre Paul e Julia, que inicialmente não se suportam, mas que depois não conseguem dar um passo sem o apoio do outro.
Agora só resta descobrires quem foi o culpado pelo assassínio de Eve, já que não pode ter sido a Julia que é a única suspeita.
Espero que este comentário te tenha adoçado a boca e que não resistas a esta grande tentação…

“Roberts fez um trabalho excelente ao entrecruzar as narrativas cativantes da estrela de cinema e a história de amor que se desenvolve em simultâneo”
USA Today

NOTA: Informo os leitores do blog que este livro tem partes impróprias não aconselhando o desfrutar das suas páginas a leitores mais frágeis a estes assuntos, principalmente a menores de treze anos que não estão na altura crítica da adolescência e das hormonas

Aqui poderá consultar um excerto desta obra

Sem comentários:

Publicar um comentário