Pedido

BOAS LEITURAS!!!

terça-feira, 3 de setembro de 2013

“Intriga em Monte Carlo” de Elizabeth Adler

Nº de páginas: 423 
Preço (Bertrand): 15,90€ 
Editora: Quinta Essência 
Ano de lançamento: 2013 

Sunny Alvarez está farta de amar um homem que não se quer comprometer e o desejo de se afastar de tudo é mais forte do que nunca. 
Em Monte Carlo, espera encontrar descanso e tranquilidade; mas é apanhada numa teia de intrigas que envolvem uma série de roubos de joalharias elegantes. Será que Sunny pode confiar nos novos amigos que conhece naquele hotel glamoroso do Sul de França? A velha amiga de Sunny, a estrela de cinema Allie Ray, que possui uma vinha em França, vem em auxílio e tenta, ao mesmo tempo, transformar a vida e a aparência da sua velha amiga, Pru Hilson, com uma mudança de visual que altera não só o seu aspeto desleixado e com excesso de peso, mas converte também Pru numa detetive amadora. 
Se Sunny não deslindar esta embrulhada, poderá acabar como cúmplice involuntária de roubo, chantagem e até homicídio. Quando o seu namorado, Mac Reilly aparece, vem preparado para fazer tudo para recuperar Sunny, não sendo de somenos ter de resolver os crimes e salvar-lhe a vida. 
Repleto de pormenores decadentes e com a escrita inconfundível que tem encantado a legião de fãs de Elizabeth Adler, Intriga em Monte Carlo é uma perfeita gema e uma perfeita evasão” 

O meu comentário: 

Depois de «De Malibu, com Amor» e «Férias em Saint-Tropez» está na altura dos leitores se despedirem do casal de protagonistas que têm vindo a acompanhar – Sunny e Mac. E não o digo porque as coisas entre eles gelam um pouco, mas sim porque, até ao momento, esta é a última obra redigida por Adler que os tem como protagonistas. 
Com a leitura da sinopse, ou, mais concretamente, das sinopses, uma pessoa fica com uma ideia da obra e daquilo que irá decorrer nas suas 423 páginas. Posso dizer que ao percorrê-las, reparei num pequeno exagero por parte da editora, não sendo a situação “tão grave” como a pintam. 
Contudo, posso afirmar sem sombra de dúvidas que é a melhor obra protagonizada pelo casal de Hollywood! 
As coisas começam logo em auge, dando-se início ao enredo com um assalto em Paris, sendo esse logo precedido pela tristeza de Sunny que tudo abandona depois de se ver com o casamento adiado, mais uma vez. 
A partir daí, a história avança cada vez mais, transportando-nos para a cidade de Monte Carlo banhada em tristeza, solidão, romance, crime, mistério, chantagens… tudo aquilo a que já estamos habituados. 
Outra coisa que reparei com esta leitura foi que Adler aposta numa linguagem mais cruel e em temas mais chocantes como a prostituição, drogas de violação, BDSM… representados por uma personagem à qual colocamos logo nesse meio. 
Realmente, um leque mais distinto de hóspedes não seria possível!
Um livro e uma escritora que recomendo vivamente e que nunca me desilude! Desde que comecei com «Encontro na Provença» não consegui parar e finalmente consegui ler todos os livros editados pela Quinta Essência da sua autoria, tal como me tinha proposto a fazer. E até já fui um pouco mais longe, tendo lido uma obra ainda não publicada, há 2 anitos quando fui de férias ao estrangeiro. 
Boas leituras! 

“Adler agita o relacionamento já turvo entre Sunny Alvarez e a sua alma gémea, o detetive Mac Reilly. Embora a história se centre nas aventuras de Sunny sem Mac, é quase tão divertido ver os dois digladiarem-se como é vê-los a fazer as pazes. E a trama de mistério também não é nada má!” 
Romantic Times 

NOTA: Informo todos os leitores que esta obra pode conter conteúdo sexual que pode ferir a sensibilidade de algumas pessoas. Se se acha preparado para desfrutar das suas páginas a responsabilidade é sua (dirigido aos mais jovens)

Sem comentários:

Publicar um comentário