Pedido

BOAS LEITURAS!!!

terça-feira, 27 de julho de 2010

"Harry Potter e a Pedra Filosofal" de J.K. Rowling

Nº de páginas: 254
Preço (Bertrand): 9,59€
Editora: Editorial Presença
Colecção: Estrela do Mar
Ano de lançamento: 1999

“Quando naquela cinzenta manhã de terça-feira o senhor Dursley deparou, ao sair de casa, com uma gata malhada que estudava atentamente um mapa, mal poderia imaginar todos os acontecimentos estranhos e misteriosos que se estavam a preparar. Mas, quando dez anos mais tarde, enigmáticas cartas endereçadas a Harry Potter, o sobrinho desprezado dos Dursleys, começam a chegar em catadupa lá a casa, é como se um raio atravessasse as suas mentes – o segredo que tão bem tinham guardado durante tanto tempo está prestes a ser revelado. O que poderá acontecer se Harry Potter descobrir que é um feiticeiro?”

O meu comentário:

Uma fantástica história que marcou para sempre a literatura fantástica e cativou todas as faixas etárias tornando-se um fenómeno mundial.
O enredo deste marcante romance trata-se da descoberta de um mundo para lá do nosso imaginável por um rapaz que é totalmente famoso e um herói desconhecendo a verdadeira razão de todas as suas origens.
Harry Potter, um jovem rapaz de 10 anos, foi criado por uns tios do lado materno que sempre lhe esconderam a sua verdadeira identidade e o afastaram do seu verdadeiro mundo.
Certo dia, o rapaz começa a receber umas cartas que chocam a sua família devido à sua origem, levando-os a mudar de local com o intuito de fugir à “perseguição”. Todavia, na noite do seu décimo primeiro aniversário os Dursleys e o único herdeiro dos Potter recebem a visita de um enorme homem que se intitula de Hagrid e afirma tratar-se do guarda dos campos de Hogwarts, uma escola de magia e feitiçaria. Depois de lhe entregar a carta que pede a sua presença como aluno no ano-lectivo que se aproxima, o mensageiro de Dumbledore (o director da escola) informa-o de que se trata de um feiticeiro assim como os seus pais que não perderam a vida num acidente de carro como lhe disseram.
Na verdade, Lily e James Potter deixaram este Mundo quando foram assassinados por um poderoso feiticeiro negro, Lord Voldemort, que aterrorizava as pessoas naquela altura, com o intuito de protegerem o único filho que tiveram. Foi assim que o jovem Potter recebeu a cicatriz em forma de raio que tem presente na sua testa e que o torna reconhecível por todos os feiticeiros.
Depois de arranjar todos os materiais necessários para as aulas que estão prestes a começar, Harry acaba por embarcar no Expresso de Hogwarts onde conhece duas pessoas que se irão tornar nos seus melhores amigos e companheiros nas aventuras que se aproximam. Estes tratam-se de Hermione Granger e Ronald (Ron) Weasley.
Com o passar da história vamos conhecendo mais deste mundo de feiticeiros criados pela autora inglesa que já residiu no nosso país.
No entanto, um grande mal se aproxima. Alguém anda a tentar roubar uma pedra denominada Pedra Filosofal, que tem o poder de trazer a imortalidade para o seu possuidor, e tudo aponta para que o feiticeiro tão temido que praticamente todos têm medo de pronunciar no nome está de volta e pronto para tirar o bem precioso de Nicholas Flamel e restaurar toda a morte e confusão de que era responsável há 11 anos.
Um livro surpreende que nos deixa perplexos com a enorme imaginação de Rowling ao criar este novo mundo em que dragões, varinhas, cães com três cabeças são totalmente normais.
Sei que muita gente já conhece a história principalmente pelos filmes produzidos pela Warner Bros, mas não perderiam nada ao desfrutar das sugadoras páginas das obras da colecção. Claro que depois de conhecer a história com tanto pormenor graças à grande tela acaba por colocar os livros mais maçadores pois está-se sempre a pensar quando chega a determinada parte de que gostámos ou coisas do género.
Se for preguiçoso sempre pode ver o filme e tornar-se mais num fã deste mundo de feitiçaria.

“Esta é uma história mágica, recheada de fantasia e encantamento, de aventuras misteriosas e de perigos arrepiantes, de criaturas sobrenaturais e de surpresas divertidas que está a enfeitiçar as crianças… e também a gente mais adulta, um pouco por todo o mundo”

Sem comentários:

Publicar um comentário