Pedido

BOAS LEITURAS!!!

terça-feira, 31 de Julho de 2012

Série Midnight Breed - “O Véu da Meia-Noite” de Lara Adrian

Nº de páginas: 376 
Preço (Bertrand): 13,50€ 
Editora: Quinta Essência 
Ano de lançamento: 2012 

“Guerreira especialista em balas e lâminas, Renata é superior a qualquer homem – vampiro ou mortal. Mas a sua arma mais poderosa é o seu extraordinário dom psíquico – uma dádiva rara e mortífera. Agora um estranho ameaça a sua independência ganha a custo, um vampiro de cabelo dourado que a atrai para um reino sombrio… e prazer para lá da imaginação. Viciado em adrenalina, Nikolai distribui a sua própria justiça pelos inimigos da Raça – e a sua última presa é um assassino implacável. Uma mulher atravessa-se à sua frente: Renata, a guarda-costas sedutora e calma. Mas os poderes de Renata são testados quando uma criança que ama é ameaçada, e ela é forçada a pedir ajuda a Niko. Quando os dois unem esforços, quando o desejo alimenta as chamas de uma fome mais profunda, a vida de Renata é cercada por um homem que oferece o delicioso prazer de um vínculo de sangue… e uma paixão que pode salvá-los ou condená-los para sempre…” 

O meu comentário: 

Sendo o quinto livro desta autora, que, ainda por cima, tem um trabalho muito semelhante a J.R. Ward com a sua «Irmandade da Adaga Negra», as expectativas estavam muito altas, acabando, na minha mais sincera opinião, por ficar um pouco desiludida com este trabalho. 
Depois do que experienciei nos romances anteriores, acho que este não esteve tão interessante, não prendendo com tanta facilidade a minha atenção. Talvez a história não era tão inspiradora, revoltante e triste como já tínhamos vivenciado. 
Porém, de certa forma, os protagonistas e a sua relação acaba por se tornar interessante, levando-nos a prosseguir na história graças ao desejo de um desvendar do seu futuro como casal e ao encontro de outra personagem também muito interessante – uma criança que se trata de um oráculo, presenteando o ser que ficar fixado com a imensidão do seu olhar espelhado com m vislumbre do seu futuro. 
Para quem gosta de momentos de mais acção, apesar de serem presentes, digo-vos que não são muito desenvolvidos, não se dando importância à luta em si, mas aos sentimentos das personagens envolvidas nessas passagens. 
Por outro lado, quem estava na perspectiva de reencontrar os antigos membros da Ordem, pode esquecer esse facto visto que a sua presença é quase nula, sendo maior parte das aparições graças a telefonemas, já que a história não se desenrola nos Estados Unidos (Boston). 
Um facto que me deixou com um bichinho atrás da orelha foi a presença de alguns momentos figurados por Andreas onde nos é dado um cheirinho e explicada a mudança que iremos acompanhar no próximo volume (Que esperamos que seja muito mais interessante… Ainda por cima é um reencontro entre dois ex-amantes!). 
Por fim, apesar de não ser propriamente o meu livro preferido, se quiserem ocupar o tempo e, mais importante, se quiserem prosseguir a colecção, podem tirar esta obra da prateleira e enveredar nesta aventura com todas as personagens. De certeza que não vai ser tempo perdido… 
Boas leituras! 

“Ligados pelo sangue, viciados no perigo, vão entrar no mais sombrio, e erótico, dos lugares” 

NOTA: Informo todos os leitores que esta obra pode conter conteúdo sexual que pode ferir a sensibilidade de algumas pessoas. Se se acha preparado para desfrutar das suas páginas a responsabilidade é sua (dirigido aos mais jovens)

Sem comentários:

Enviar um comentário